Paraty é dessas cidades com muitas atrações, para todos os gostos e tipos de viajantes. Tem praias, para quem curte ficar na beira do mar só relaxando ou para quem gosta de mergulhar, fazer stand up paddle e assim por diante. Tem cachoeiras e trilhas para quem é mais do estilo aventureiro. E tem história, para aqueles que gostam de se aprofundar mais nesses conhecimentos e, claro, se encantar com a arquitetura local tão bem preservada.

É tanta coisa para se fazer que às vezes fica difícil preparar um bom roteiro. Por isso, fizemos um roteiro de 3 dias para quem vai visitar Paraty por um curto período mas ainda assim quer aproveitar o máximo possível do que a cidade oferece.

Dia 1 – Conhecendo o centro histórico

Muitas vezes chega-se no destino perto da hora do almoço ou no meio da tarde, dependendo do horário e tempo de viagem. Aliás, se fizer uma viagem longa até chegar em Paraty, pode ser que chegue cansado. Então, a melhor opção é no primeiro dia pegar mais leve. Sair caminhar pelo centro histórico, simplesmente se deixando levar pelas ruas charmosas de Paraty. Não é à toa que um dos cartões postais da cidade são essas ruas  de pedra e suas casas branquinhas com detalhes coloridos. É mesmo encantador e, estar alí é como voltar no tempo e poder imaginar como era a vida alí no século 18.

O mais legal é que, em meio à toda essa história, casas e casarões da época colonial, há muitas lojas, restaurantes e cafés super fofos! Sem falar das lojas que vendem cachaças da região. Aliás, se tem uma dica que vale pra qualquer dia, é experimentar – uma ou várias vezes – o drink chamado Jorge Amado, feito com a cachaça Gabriela, famosa na região, com maracujá, suco de limão e gelo.

Quem prefere uma cervejinha ao invés da cachaça, uma dica maravilhosa é conhecer a Cervejaria Caborê, que produzem uma cerveja artesanal deliciosa. E o interessante é que a fábrica fica ao lado do bar, por tanto, além de degustar as bebidas, dá pra visitar a fábrica e entender mais sobre o processo de produção.

Ah, se tiverem com energia, recomendamos fazer um city tour a pé, ou até mesmo se programar para fazer algum outro dia. Existem algumas companhias turísticas que oferecem o passeio, passando por igrejas e casarões importantes. E normalmente acontece pela parte da manhã ou no fim do dia, e alguns são até mesmo gratuito! Vale a pena fazer esse passeio com guia turístico para conhecer melhor a história de Paraty e tudo que ela representa para o nosso país.

Praia do Sono
Praia do Sono – Foto: Shutterstock

Dia 2 –  Passeio de escuna

Uma boa parte das praias de Paraty são acessíveis apenas por barco. Por isso, é indicado fazer o passeio de escuna. Esse passeio dura mais ou menos 5 horas e dá para conhecer várias praias em um só dia. O roteiro desse passeio varia, por tanto é bom sempre verificar. Mas algumas das praias que podem estar inclusas no roteiro são Praia da Lula, Praia do Jurumirim e Praia Vermelha.

Aliás, as águas de Paraty são ótimas para a prática de mergulho. Um dos pontos de mergulho mais visitados na região são a Ilha dos Ganchos e a Ilha dos Meros, onde tem um avião naufragado.

Quem não é muito fã de passeio de escuna, pode simplesmente ir até alguma praia de Paraty, como a Praia do Sono. É importante saber que para chegar até essa praia é necessário fazer uma trilha de mais ou menos 3 quilômetros. Mas todo o esforço vale a pena, já que esta praia é uma das mais lindas de lá.

Cachoeira do Tobogã
Cachoeira do Tobogã – Foto: iStock

Dia 3 – as cachoeiras e trilhas de Paraty

Se quer dar uma variada e deixar a praia um pouco de lado, vai ficar feliz em saber que em Paraty há lindas cachoeiras. Tem a Cachoeira do Tobogã que, assim como o nome indica, é um tobogã natural! Normalmente quem não tem experiência desce sentado, mas há muitos aventureiros experientes que descem de pé e até fazem manobras.

Outras opções bastante visitadas são o Poço do Tarzan, o Poço dos Ingleses e a Cachoeira da Pedra Branca.

E, claro, há muitas trilhas em Paraty também! Tem as trilhas que levam até as praias, como a que já citamos da Praia do Sono. Tem trilhas que levam até cachoeiras como a da Cachoeira do Melancia. E tem também a trilha do Pico de Mamangua, que no seu topo dá pra apreciar uma vista linda da região.

Mas se for passar mais dias em Paraty, há outras coisas para fazer por lá que você pode conferir aqui nesse post no nosso blog. E também, conhecer Trindade, que fica a mais ou menos 30 quilômetros de Paraty, é uma das atividades mais imperdíveis, já que lá há praias e paisagens de tirar o fôlego.

Onde ficar em Paraty?

Pousada Literária em Paraty – Foto: Divulgação Pousada Literária

Há quem prefira ficar em alguma pousada nas praias acessíveis, como a Praia Paraty-Mirim ou a Vila de Trindade. Mas, o mais recomendado é ficar no centro histórico. Dali se tem acesso à todos os passeios e praias, e também é ali que se concentram os restaurantes, bares e lojas.

Uma das melhores recomendações é a Pousada Literária. A pousada foi construída num casarão colonial e tem uma essência encantadora inspirada na cultura e nas artes. E tem uma estrutura incrível! Piscina, quartos com jacuzzi e muito mais.

Veronica Viudes

Ver Todos os Posts

Adicionar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Quem somos?

Somos a maior agência online especializada em pacotes de viagem 100% personalizados. Você preenche um formulário e nossos especialistas montam um pacote feito sob medida pra você!

Conheça nossos pacotes: www.instaviagem.com